Conheça mais sobre os nossos modelos de franquia.

Entenda agora como funciona o financiamento para franquias!



Investir no modelo de franchising é uma excelente opção para dentistas que desejam empreender e ter sua própria clínica ou consultório. No entanto, nem todos dispõem do valor necessário para iniciar o negócio e, diga-se de passagem, o custo para abrir uma franquia não é nada barato. Entretanto, existem as linhas de financiamento para franquias, oferecidas por diversas instituições bancárias.

Para esse tipo de empréstimo, os bancos têm uma linha de crédito específica, com taxas de juros diferenciadas. Quer saber como conseguir um financiamento para abrir sua franquia odontológica ou uma franquia na área da saúde? Continue a leitura que citaremos algumas instituições bancárias em que você poderá conseguir uma linha de crédito e realizar seu sonho de ser dono de seu negócio.

BANCO DO BRASIL

O Banco do Brasil é reconhecido pela ABF (Associação Brasileira de Franchising) como uma das maiores instituições de apoio ao franchising no Brasil. São mais de 50 convênios com redes de franquias e essa quantidade de parcerias gera taxas mais acessíveis.

Segundo o Banco do Brasil, em torno de R$ 211 milhões já foram utilizados em créditos para o investimento em expansão de franquias e quase quatro mil unidades franqueadas também são correntistas da instituição, o que agiliza e facilita o crédito.

Banco do Brasil tem um programa específico para o financiamento de franquias, intitulado de BB Franquia. Além de oferecer linha de financiamento para empreendedores que desejam abrir e modernizar sua franquia, disponibiliza outro produto, o BB Giro Empresa Flex, que fornece crédito para capital de giro, podendo ser pago em até 72 vezes.

No entanto, para que o franqueado consiga crédito, a franqueadora deve ser parceira do banco. A carência é mais atrativa podendo chegar até 12 meses. A taxa é de 0,94 % a.m. (TLP + 4,5 % a.a. — com vinculação de 80% do FAMPE — Fundo de Aval para as Micro e Pequenas Empresas) no plano Proger Urbano Empresarial.

No produto Giro Digital o prazo de pagamento pode chegar até 24 meses com carência de no máximo 3 meses. A taxa praticada fica a partir de 1,80 % a.m. Para esse produto o valor de crédito não é informado.

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

Caixa também oferece produtos voltados para o financiamento e manutenção de franquias. Entre as linhas de crédito oferecidas estão: recursos para capital de giro, antecipação de receitas, financiamentos para investimento, convênios, seguro e previdência. Em todos os casos, é preciso que o investidor apresente o seu plano de negócios juntamente do franqueador.

O valor máximo que o banco libera para o financiamento é de R$ 400 mil reais, mas isso não significa que a instituição vai financiar todos os custos da franquia. Na verdade, o valor máximo que a Caixa financia varia entre 30% e 60% do custo total do investimento, dependendo da rede escolhida.

O prazo da Caixa Econômica Federal pode alcançar até 48 meses e há um tempo de carência de seis meses. Os juros praticados estavam em 5% a.a +TJLP (Taxa de Juros de Longo Prazo) em janeiro de 2018. Segundo o PROGER (Programa de Geração de Emprego e Renda) que financia a aquisição de investimentos e capital de giro com recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador).

BNDS

Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDS) também oferece linha de crédito para franquias. Com o empréstimo concedido pela instituição, o franqueado pode ampliar sua rede, ou modernizar as instalações das unidades já instaladas. O valor concedido pelo banco também é bem interessante, pois pode ser de até R$ 20 milhões de reais.

No entanto, para ter acesso ao financiamento, o franqueado deve solicitar à franqueadora que peça o empréstimo ao BNDS, pois o banco não concede a linha de crédito diretamente para o franqueado. Os juros cobrados variam de acordo com a rede de franquias.

O produto oferecido pelo banco é o BNDES automático que também pode financiar investimentos e capital de giro. O prazo máximo para pagamento é de até 240 meses com carência de seis meses. A taxa praticada é a TJLP + Juros BNDES a ser divulgado + 0,1 % TIF.

Outras linhas de investimento também são oferecidas com capital de giro e operações rotativas tanto para franqueadores como para franqueados ativos com faturamento mensal e interesse de relacionamento junto à Caixa.

BANCO BRADESCO

No Bradesco todo o ciclo de vida de uma franquia é considerado e são fornecidas uma série de soluções bancárias para que o negócio conquiste o funcionamento ideal. A instituição disponibiliza canais de apoio como a mesa de franquias e auxilia o franqueado na conexão com a instituição para uma melhor experiência.

Bradesco oferece diversas opções de financiamento para empreendedores que desejam se tornar franqueados. O valor disponibilizado pelo banco pode ser usado para montagem da franquia, aquisição de bens, modernização da franquia, pagamentos, gestão de caixas e expansão dos negócios.

Existe uma linha específica para aquisição de franquias que trabalha com condições diferenciadas para o financiamento do projeto. Isso vai desde a estruturação de uma nova operação franqueada até o repasse para um novo proprietário, ou até a conversão de um negócio para uma operação de franquias.

No produto Bradesco Recursos Livres, os valores concedidos pelo banco para pequenas empresas são de até 90 % do total do projeto econômico-financeiro apresentado. O franqueado ainda conta um prazo de até 12 meses para começar a pagar o financiamento e pode quitar o empréstimo em até 60 meses. A taxa varia conforme a garantia e marca franqueada.

No produto Bradesco FAMPE — Fundo de Aval do SEBRAE mencionado anteriormente — o valor concedido também chega até 90 % do projeto apresentado limitado aos valores teto do SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas). Esse valor é limitado em até R$ 250 mil para Micro Empresa e R$ 375 mil para Empresa de pequeno porte. A taxa nesse caso gira a partir de 1,93 % com garantia de investimentos.

BANCO HSBC

HSBC tem uma linha de crédito para franquias há mais de 20 anos. O banco concede financiamento para a abertura do negócio, para projetos da unidade e reformas das instalações da franquia. O subsídio chega a 60% do valor total do investimento e o credor tem um prazo de até 48 meses para quitar a dívida.

Além disso, o banco ainda concede um prazo de até 6 meses para começar a pagar. No entanto, nesse período, o franqueado deve pagar o valor referente aos juros do financiamento.

BANCO ITAÚ

As linhas de crédito oferecidas pelo Itaú contemplam a implantação da franquia, modernização e expansão do negócio. O valor a ser coberto pela instituição é de até 50% do valor total de investimento, no entanto, o banco exige uma garantia por parte do credor, que podem ser recebíveis do negócio ou o próprio patrimônio.

O valor das taxas de juros depende do relacionamento do cliente com o banco e das garantias ao solicitar o financiamento.

BANCO SANTANDER

O Banco Santander trabalha com uma linha exclusiva de crédito direcionada às franquias brasileiras que é o Giro Franquia. Em parceria com a ABF, a instituição se comprometeu com o incentivo a expansão de redes de franquia, acordo firmado na ABF Expo, reconhecida como a maior feira de Franchising da América Latina.

Santander oferece ao franqueado diversas opções de empréstimo tanto para a abertura do negócio, quanto para a gestão de sua franquia. Para gerir sua empresa, o empreendedor tem acesso a crédito para pagamento de salários, controle de fluxo de caixa, proteção e seguros, pagamento a fornecedores e investimento em melhorias de seu negócio.

No entanto, o banco só disponibiliza o empréstimo para franqueados de redes parceiras da instituição. Os empreendedores que conseguem a linha de crédito ainda têm descontos progressivos no aluguel de máquinas de cartão de crédito e débito e também nas taxas de juros de empréstimos oferecidos pelo banco.

No produto Giro Franquia, é possível obter até 80 % do FAMPE (Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas), se atendidas as condições determinadas pelo SEBRAE, sendo que podem ser solicitadas garantias adicionais. O prazo para pagamento pode chegar ao máximo de 48 meses com carência de até 6 meses e taxa pré-fixada.

OUTROS BANCOS

Essas instituições citadas acima liberam crédito para pessoas de todo o país, pois estão presentes em todos os estados. No entanto, dependendo da região em que você mora, você ainda pode ter outras opções como o Banco do Nordeste, que atende à região Nordeste, Norte de Minas e Espírito Santo ou o Desenvolve SP, que é um programa do Governo do Estado de São Paulo. Veja agora alguns exemplos de instituições mais regionalizadas.

BANCO DO NORDESTE

Esse banco trabalha com condições exclusivas de taxas, prazos e procura contribuir para o fortalecimento e crescimento do setor na região. O Banco também busca uma aproximação com os franqueadores de maneira a aprimorar o atendimento e mantém parceria com a ABF e grandes redes como o Boticário.

Franquias e microfranquias têm acesso às soluções de financiamento do Banco do Nordeste. O produto é de crédito rotativo e é pré-aprovado com validade de cinco anos. É possível adquirir insumos e mercadorias, máquinas e equipamentos com prazos de até 72 meses.

Há os financiamentos com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste — FNE que são administrados exclusivamente pela instituição. As taxas de juros são reduzidas e mais atrativas em relação a outras instituições financeiras — a taxa gira em torno de 1,42 % a.a. + IPCA.

Desenvolve SP

Conhecida como a Agência de Desenvolvimento Paulista, a Desenvolve SP é uma instituição de fomento ao desenvolvimento que opera em conjunto com o Governo do Estado de São Paulo. Ela oferece condições bem acessíveis a interessados no investimento em franquias.


Quero ser franqueado


O produto Desenvolve SP oferece um prazo de pagamento que pode chegar até 60 meses. A carência obtida fica em no máximo 12 meses e a taxa praticada gira a partir de 0,68 % ao mês. O valor concedido é de até 70 % dos itens financiáveis com limite máximo de R$ 600 mil.

COMO CONSEGUIR UM FINANCIAMENTO PARA MINHA FRANQUIA?

Mesmo que haja diversas opções de linhas de crédito para a abertura de franquias, antes de solicitar o serviço ao banco, é necessário contatar a franqueadora para saber com quais instituições financeiras ela mantém parceria.

No entanto, o financiamento não deve ser sua primeira opção, pois as taxas de juros não são baixas. Além disso, ao pagar um empréstimo, você tem sua lucratividade reduzida, pois, boa parte dos ganhos serão revertidos para o pagamento ao banco. Vale lembrar que uma franquia tem diversos custos, como pagamentos de royalties, de funcionários e contas fixas como aluguel, água, luz e telefone.

O ideal é tentar com a própria franqueadora uma forma de pagar a taxa de franquia parcelada ou até mesmo vender um bem para ajudar nas despesas. Caso não seja possível, não caia na tentação de financiar um valor muito alto, para não se arrepender no futuro.

Então a orientação é esgote primeiramente todas as possibilidades de investimento sem que incorra em dívidas, pois mesmo um negócio de sucesso deve administrar riscos e insucessos principalmente no início de sua operação.

Contudo, não estamos querendo desanimar, apenas ressaltando que um bom planejamento é fundamental para que você não comece seu empreendimento com dívidas que atrapalhem o crescimento de seu negócio.

A abertura de franquia exige muito esforço de conhecimento e planejamento estratégico. É importante ler e conhecer a lei de franquia e avaliar todas as demandas possíveis para realizar um bom investimento e garantir o sucesso futuro do negócio.

Uma boa dica é fazer uma análise swot e planejamento do negócio e avaliar pontos fortes e fracos de tudo. Então verifique tudo que for possível para garantir a inteligência e continuidade dos negócios. Estude bastante e registre todas as informações de base para o empreendimento.

Um bom limite de parâmetro é o valor de R$ 100 mil. O ideal é que até esse patamar, você busque compor a verba de maneira integral sem recorrer a outras fontes. Desse valor para cima é bom analisar as melhores possibilidades sempre buscando juros mais baixos e parcelas menores.

VANTAGENS DO FINANCIAMENTO PARA ABERTURA DE FRANQUIA ODONTOLÓGICA

Abrir uma franquia odontológica exige um alto investimento e algumas condutas de inteligência financeira são fundamentais para fazer um bom negócio. É bom que o financiamento não seja do valor total do investimento.

Nesse caso, algumas medidas, como o financiamento, podem ser úteis para garantir a montagem do negócio. Outros fatores como capital de giro e espaço de operação também são preponderantes para compor o total da aplicação.

O refinanciamento também uma forma de levantar um grande valor já que é possível conseguir um crédito com garantia de imóvel e obter taxas mais baixas e prazo mais estendido para pagamento.

O financiamento pode ser muito interessante, mas apresenta uma série de vantagens e desvantagens. Cabe ao investidor, analisar o seu caso e montar o seu planejamento financeiro corretamente para evitar problemas futuros. Veja alguns aspectos importantes.

Considere seu capital de giro

capital de giro é um dos principais fatores de contribuição à boa gestão administrativa. O fluxo de caixa é comprometido quando não temos uma boa reserva e isso pode atrapalhar o andamento do atendimento e a necessidade de aplicações pontuais para que o negócio possa crescer.

Considere todos os impostos, taxas e tributações

Todos os custos envolvidos na tributação de franquia devem ser abrangidos no seu planejamento financeiro. A montagem do capital necessário deve contar com a taxação mensal. Por isso é importante levantar junto à empresa franqueadora todos esses gastos.

Levante todos os motivos para o financiamento

Pense claramente tudo que leva você a pensar em financiamento. Quanto maior o valor a se financiar, mais juros, então você deve ter ideias bem consolidadas sobre como vencer esses valores até conquistar o ponto de equilíbrio do negócio.

Componha os custos

É importante que você faça uma composição dos custos e separe por categorias. A partir disso, você conseguirá ter uma noção das menores e maiores demandas. Do mais simples ao mais complexo procure soluções que ajudem a reduzir ou eliminar os valores até chegar no custo mais otimizado possível. Nunca financie 100 % do projeto.

Lembre-se também que, ao injetar verba em um negócio, você terá uma série de gastos em torno do funcionamento que não necessariamente se relacionem à especialidade de serviço como a locação de um imóvel para operar, recursos para a reforma e adequação do espaço de trabalho e todos os gastos operacionais.

Pesquise o negócio

É importante se certificar de uma vez por todas que esse nicho é realmente o pretendido. No caso de dentistas fica muito mais fácil identificar essa tendência já que o investimento pressupõe o trabalho em uma franquia odontológica.

Porém, outras informações são interessantes como fonte de pesquisa como o potencial de lucratividade, as melhores formas de financiamento e todas as demandas necessárias ao setor de odontologia, por exemplo.

Após todos esses estudos de viabilidade o investidor garantirá uma série de vantagens que a aquisição de uma franquia pode oferecer. Acompanhe agora algumas das principais e comprove a inteligência da medida para o franqueado.

Antecipação de recursos financeiros

É lógico que uma das maiores vantagens e mais competitivas é a antecipação de recursos financeiros para o investimento. Geralmente, a ideia de um negócio ou investimento passa por uma maturação de 6 meses. Ao ultrapassar esse tempo, o investidor perde o insight ou a oportunidade de aplicação.

Portanto, a escolha por juntar verba até que o valor total do investimento seja alcançado pode não valer a pena e trazer muitos transtornos durante o período já que são grandes as chances de que o investidor não tenha outros recursos para girar o seu capital.

Em alguns casos, talvez sejam necessários até anos para atingir o valor completo do investimento. Então a orientação é levantar o máximo de dinheiro, mas também limitar o tempo de economia para não comprometer o sucesso da aquisição.

Aumento de porte

Pode ser que você tenha um valor suficiente para compor um investimento inicial e mais básico. Nesse caso, o financiamento de franquia pode oferecer uma possibilidade de investimento em algo que seja de grande porte e vislumbrar um potencial de lucratividade muito maior.

Pode ser que você tenha conseguido, ainda, o negócio próprio, mas não esteja alcançando o ponto de equilíbrio ideal. Nesse estágio, o investimento em franquia pode ser o passo que falta para conquistar o crescimento desejado e ampliar a visibilidade do seu trabalho.

Maior facilidade de crédito

A empresa franqueadora atua como diretamente interessada na expansão do seu negócio e vê no franqueador mais oportunidade para aumentar sua receita e crescer o seu modelo e padrão de trabalho.

Nesse caso, o financiamento geralmente é trabalhado em favor do investidor. O cenário acaba ficando mais propicio ao investimento e muitas linhas de crédito são abertas com facilidades de pagamentos, juros baixos e prazos flexíveis.

Vantagens para o financiamento de microfranquias

Segundo o SEBRAE aponta, há várias microfranqueadoras que firmam convênios específicos para o investimento em franquias com bancos. Essas instituições oferecem financiamentos com condições diferenciadas e taxas mais atrativas.

Nesse caso, a abertura de um pequeno negócio acaba obtendo uma vantagem competitiva já que as exigências e garantias nos critérios de aprovação buscam ser mais flexíveis para absorver a demanda de interessados no investimento em franchising.

Viu como o financiamento pode ser bem útil e interessante? Essa medida contribui muito para aqueles que não conseguem levantar todo o investimento necessário e realizar essa operação com prudência e inteligência faz toda diferença. Não deixe de considerar bem todas as orientações e não negligencie nenhum fator financeiro. Finalmente, tenha um excelente investimento!

Gostou do nosso post sobre financiamento para franquias? É comum ocorrer uma série de dúvidas quanto ao financiamento de franquia. Porém, não deixe essas informações soltas, entre em contato conosco e saiba tudo que você precisa para financiar o seu negócio!

Postado em 27/09/2018.


Compartilhe

Siga-nos no facebook

Siga-nos no Linkedin

Siga-nos no Linkedin