Agende a sua avaliação
Ou agende pelo telefone 0800 601 1520

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Quais são os principais problemas odontológicos dos adolescentes?



Atualmente, conhecer os problemas odontológicos dos adolescentes é essencial para assegurar a saúde deles, tanto bucal quanto do restante do organismo. Isso ocorre porque essa fase está diretamente relacionada às mudanças psicológicas e biológicas próprias da adolescência e qualquer probleminha pode afetar todo o ciclo de vida do ser humano se não for tratada de acordo com os procedimentos ideais.

Com base nisso, resolvemos mostrar no artigo de hoje alguns dos principais problemas encontrados nos jovens e quais são as suas características. É importante mencionar que a procura por um dentista é fundamental para assegurar que cada um seja tratado da maneira adequada e, consequentemente, alcance um sorriso saudável e bonito. Confira!

Doença periodontal

Caracterizado como um problema infecto-inflamatório, que afeta desde os tecidos da gengiva até o osso que oferece suporte aos dentes, a doença periodontal é causada pela presença de placas bacterianas (películas transparentes e pegajosas) que se acumulam nos dentes quando a higienização bucal não é feita adequadamente (por escovação ineficiente ou falta de uso do fio dental).

O tratamento é uma limpeza supragengival, realizada pelo odontologista. Esse processo retira a película, impedindo o seu crescimento e, consequentemente, evitando a evolução da doença. Nos casos mais graves, são necessários procedimentos mais específicos. Conheça os estágios do problema.

Gengivite

Considerada o estágio inicial, a gengivite é a inflamação somente da gengiva e é reversível. Os sintomas são inchaço, vermelhidão e sangramento ao escovar os dentes ou ao passar o fio dental.

Periodontite

Nesse segundo estágio, as fibras e os ossos começam a ser afetados e se inicia a formação de uma bolsa inflamada próxima à gengiva, o que contribui para o crescimento das placas. Além disso, sintomas como o mau hálito, gengiva retraída, dores intensas durante a mastigação e sensibilidade são bastante comuns.

Periodontite avançada

No último estágio, os ossos e as fibras dos dentes são destruídos, comprometendo a mordida e até mesmo a fala. O problema também pode deixar os dentes moles e, em situações mais graves, pode haver a possibilidade extrair alguns deles.

Cáries

Considerado um dos problemas mais comuns entre adolescentes, a cárie ocorre quando algumas bactérias (que surgem devido à má higienização e ao consumo excessivo de açúcar, por exemplo) produzem ácidos que destroem a camada interna e externa dos dentes, formando pequenos buracos escuros. Dentre os sintomas, é normal sentir dores agudas e sensibilidade ao mastigar.


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


O tratamento deve ser feito por um dentista que, normalmente, realiza restaurações, instala coroas ou aplica procedimentos com flúor. Em casos mais extremos, são necessárias intervenções mais complexas, como o tratamento de canal.

É importante mencionar ainda que, se não for tratado, a intervenção pode demandar a remoção do dente afetado.

Má oclusão

Geralmente causada por fatores hereditários, a má oclusão dentária se desenvolve ao longo do crescimento da criança e passa a ser percebida na adolescência. Entretanto, alguns fatores podem contribuir para o agravamento do problema, como o uso prolongado de chupetas e mamadeiras e o hábito de chupar os dedos.

Ela se caracteriza por desvios na arcada dentária, que impede que os dentes superiores entrem em contato com os inferiores ao fechar a boca. Além de prejudicar a estética do sorriso, também existe a possibilidade de a mordida ser prejudicada e de as bochechas e os lábios não serem protegidos em situações de fala e de mastigação, por exemplo.

O processo para tratar o problema deve ser feito por um profissional da área e se inicia com o uso de aparelhos ortodônticos. Em situações mais particulares, é necessário remover um dente para deixar espaço suficiente para o alinhamento dos dentes.

Pronto. Agora que você já sabe alguns dos principais problemas odontológicos dos adolescentes, fique atento a cada um deles para que nada evolua e se torne maior. Além disso, não se esqueça de que os tratamentos realizados por dentistas são fundamentais para garantir um sorriso mais saudável e bonito.

Se gostou do artigo, curta nossa página no Facebook e veja outros posts!

Postado em 07/11/2017.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter