Agende a sua avaliação
Ou agende pelo telefone 0800 601 1520

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Como é realizada a limpeza dentária?


como é realizada a limpeza dentária

É bem provável que você já tenha ouvido falar sobre a importância da limpeza dentária, certo? Ainda assim, muitas pessoas não sabem como ela é realizada, como pode evitar vários outros problemas e deixar a saúde bucal em dia.

Se você quer entender mais sobre o assunto e descobrir a resposta para várias dessas questões, então está no lugar certo. Saiba todos os detalhes no post a seguir.

O que é a limpeza dentária, afinal?

Como o próprio nome indica, a limpeza dentária é responsável por limpar os dentes. Ela é feita por um cirurgião dentista e é mais eficiente que a limpeza diária, pois usa materiais e produtos específicos, muitos deles disponíveis apenas em consultórios odontológicos.

Nesse momento, o dentista higieniza todos os dentes, desde a parte mais interna e profunda de cada um deles — pegando inclusive a região da gengiva. Essa é uma ótima maneira de garantir melhores resultados e manter a boca sempre limpa.

Qual sua função?

O principal objetivo do procedimento é manter a boca limpa e saudável, blindando-a contra alguns problemas bucais, como as temidas cáries e gengivites.

Esse é um procedimento indispensável, já que nunca conseguimos limpar a boca de forma adequada. Esse detalhe que faz com que a placa bacteriana se acumule nos dentes ou no interior do sulco gengival.

Somado a isso, existe também um acompanhamento feito pelo dentista nesse momento. Isso significa que esse é o momento que ele tem para verificar e corrigir alguma inconsistência, como problemas com a resina, próteses e qualquer outra coisa.

O que é feito?

Além da limpeza, existem muitos outros procedimentos feitos que ajudam a proteger os dentes e a boca de uma maneira geral. Conheça os principais deles:

Tartarectomia e jateamento


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Essa é a primeira etapa de uma limpeza dentária: a remoção do tártaro. Como isso nem sempre é feito com escova e fio dental, é fundamental que seja realizado com aparelhos mais apropriados.

Quando necessário, o procedimento é seguido pelo jateamento de bicabornato de sódio. Essa é uma maneira de remover a placa bacteriana e o tártaro, além de polir e proteger os dentes.

Escovação completa e aplicação do flúor

O procedimento continua sendo executado com a escovação completa, feita por uma escova similar ao modelo elétrico e com pastas dentais específicas. Depois disso, tudo é fechado com a aplicação do flúor — um detalhe que mantém a boca limpa e fortifica os dentes.

Depois de aplicado, é importante deixar de comer ou beber por um tempo, pois assim o flúor penetra com mais intensidade e age melhor.

Quando fazer?

A limpeza dentária deve ser feita seguindo cada caso. O mais comum envolve um retorno a cada seis meses, um tempo considerado ideal.

Ainda assim, se o dentista perceber um maior acúmulo de placa ou tártaro, pode pedir que o paciente volte mais vezes. Essa é a melhor maneira de evitar os problemas odontológicos e garantir dentes mais claros e saudáveis.

Agora que você já sabe todo o processo de limpeza dentária, não deixe de visitar o dentista com frequência e evitar muita dor de cabeça.

E se você gostou desse conteúdo e quer continuar sabendo como deixar os dentes lindos, não deixe de ler nosso e-book sobre o guia de estética dentária. Nos encontramos por lá!

Postado em 25/08/2017.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter