Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

O que fazer em caso de dor nos sisos?



É muito comum ouvir dizer que é preciso retirar os dentes do siso, não é mesmo? Mas você conhece a importância desses dentes e por que a dor nos sisos é tão comum?

Os dentes do siso são, na verdade, os terceiros molares e costumam nascer mais tarde, entre os 16 e os 21 anos de idade. Sua principal função era reforçar a trituração de alimentos mais duros e resistentes (raízes, sementes, frutos e folhas), como era necessário no passado remoto da humanidade.

Embora eles ainda sejam importantes para dar apoio no caso da perda de outros molares, costumam provocar inflamações muito doloridas. Isso ocorre porque, às vezes, não nascem direito e, além disso, sua higienização é mais difícil no fundo da boca facilitando as infecções.

Continue lendo este post e saiba o que fazer no caso de dor nos sisos.

1. Mantenha uma boa higiene bucal

Uma boa higienização bucal requer o uso de fio dental além de uma cuidadosa escovação. Nesse sentido, o cuidado com os dentes do fundo, que são os que fazem os maiores esforços, precisa ser ainda mais intenso.

Assim, sempre que acabar de comer alguma coisa, faça uma boa e cuidadosa escovação dos dentes e a higienização com um enxaguante bucal. Evite permanecer com resíduos de alimentos na boca, principalmente aqueles oriundos de doces.

2. Use escovas de cerdas macias

A escova de cerdas macias é a mais recomendada pelos dentistas. Além de promover a limpeza dos dentes, é capaz de retirar os resíduos que se instalam na linha da gengiva e massageá-la sem provocar ferimentos.

Ao contrário das escovas de cerdas mais duras, as macias não desgastam o esmalte dos dentes, mantendo-os naturalmente protegidos. O desgaste aumenta as chances de surgir sensibilidade, que provoca uma dor intensa ao ingerir uma bebida gelada, por exemplo.

3. Faça bochecho com água morna e salgada


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Logo que a dor começar, coloque água morna em um copo e acrescente um pouco de sal. Utilize para fazer bochechos leves por cerca de 30 segundos e depois cuspa. Tenha cuidado para não beber a água salgada.

O calor mantido pela água sobre a área afetada ajuda a reduzir a dor e acelera as defesas naturais do organismo. Essa operação deve ser repetida algumas vezes ao longo do dia.

4. Aplique compressas de gelo

Em um momento de dor nos sisos, se a região estiver inflamada (gengiva inchada e vermelha), uma compressa de gelo ajuda a reduzir a inflamação. Coloque-a sobre o rosto, na área do dente dolorido, e deixe por cerca de 10 a 15 minutos.

A utilização de bolsa de gelo pode ser repetida algumas vezes durante o dia para um melhor alívio.

5. Consulte um odontologista

A medida mais indicada na ocorrência de qualquer dor na boca é procurar o atendimento de um dentista. A orientação desse profissional será específica para o seu caso e mostrará o que fazer.

O dentista poderá indicar uma medicação analgésica para retirar a dor. Mas, sobretudo, fará uma boa avaliação das condições e da necessidade ou não de se realizar a extração do dente que está incomodando.

Com esses cuidados, você pode reduzir o sofrimento caso tenha dor nos sisos, até ser avaliado por um dentista.

Se este post foi útil, com certeza você vai gostar de saber por que deve procurar um dentista logo que surgir uma dor.

Postado em 26/02/2019.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter