Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Como escolher a melhor escova dentes para você?



Já reparou nos tipos de escovas de dente que existem? Saiba que, para muita gente, escova de dente é sempre igual e, desse modo, basta escolher a cor que mais agrade. Na verdade, não é bem assim. Embora exista uma grande parafernália de escovas é importante cuidado ao escolher a melhor escova de dentes para evitar possíveis problemas futuros.

O formato da arcada dentária, a sensibilidade ou a necessidade de escovas especiais são algumas das razões para o grande número de tipos de escovas diferentes. Viu como não é só a cor?

Assim, continue neste post para saber como escolher a melhor escova de dentes para você.

1. Prefira uma escova de cerdas macias

De maneira geral, a escova de cerdas macias deve ser a opção para a maioria das pessoas. Há um bom motivo para isso: cerdas macias não agridem a gengiva, nem desgastam a superfície do dente.

Quando se faz uso de cerdas médias ou duras provoca-se um permanente desgaste da superfície dos dentes, aumentando a sensibilidade. Esse resultado é ainda mais prejudicial quando a escovação é muito rígida, empregando-se certa força a fim de promover uma limpeza melhor.

Uma escova de cerdas macias é suficiente para realizar a limpeza necessária e impedir a formação da placa bacteriana. Além disso, os dentes não necessitam de força na escovação.

2. Considere o formato da escova

O formato da escova pode influenciar no resultado da escovação. Alguns tipos de dentição e de formato da boca pedem escovas diferentes.

Desse modo, para quem precisa alcançar os dentes do siso, lá atrás, assim como para pessoas com a boca pequena, é mais adequado optar por uma escova de cabeça arredondada e pequena. Isso facilita a escovação e melhora os resultados.

3. Esqueça o limpador de língua


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Assim como nos dentes ocorre a formação de um biofilme ou placa bacteriana em sua superfície, na língua se dá o mesmo com a saburra. O limpador de língua é um instrumento utilizado para retirar a saburra lingual.

Algumas escovas trazem nas costas da cabeça um pequeno limpador para ser esfregado sobre a língua, retirando a placa formada. Evite escovas assim e faça uso de um limpador exclusivo, para uso periódico, o qual você higienizará sempre que utilizar. Limpador de língua na escova representa risco de deposição de bactérias na cabeça da escova.

4. Lembre-se das escovas especiais

Determinadas situações exigem algumas escovas especiais para que a higienização da boca seja adequada. Assim, por exemplo, pessoas com dificuldades de coordenação motora podem ser beneficiadas com o uso de uma escova elétrica.

Por sua vez, quem está fazendo uso de aparelho ortodôntico conseguirá uma limpeza mais eficiente utilizando escovas próprias para o caso, com menos cerdas e um formato diferenciado.

5. Peça orientação para o seu dentista

Qualquer que seja o seu caso, peça orientação para um dentista. Ele poderá recomendar a escova mais apropriada para você em função de suas características.

Além da escova, aproveite para saber mais sobre como escovar os dentes da melhor forma e como realizar a higienização bucal adequada.

Gostou deste post sobre como escolher a melhor escova de dentes para você? Então, certamente, você gostará de saber como se dá a perda óssea dos dentes.

Postado em 09/05/2018.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter