Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Entenda como funciona a contenção ortodôntica



Depois de tirar o aparelho fixo, nada como ver o sorriso novo no espelho, não é mesmo? Mas o tratamento não acaba aí. Para a maioria dos pacientes, é necessário usar ainda a contenção ortodôntica, que pode ser feita com o uso de um aparelho móvel ou fixo, dependendo das características de cada um.

Por mais que pareça ruim em um primeiro momento, o uso da contenção é fundamental para a eficácia do tratamento ortodôntico, especialmente para manter a estética dental e evitar que ocorra a regressão do problema.

Se você tem dúvidas sobre isso, veio ao lugar certo! Preparamos este artigo explicando como funciona a contenção ortodôntica e por que ela é importante para o sucesso do tratamento. Confira!

O que é a contenção ortodôntica?

A contenção é usada após o tratamento com o aparelho fixo. Ela evita a movimentação dos dentes para que o resultado do tratamento não seja perdido.

Essa ação é necessária porque, após a retirada do aparelho, há uma tendência natural de que os dentes retornem à posição anterior. Nesse caso, o dentista indica a contenção para que o organismo se adapte e os dentes fiquem definitivamente ajustados, mantendo o sorriso alinhado e harmônico.

O que acontece se o paciente não fizer uso do aparelho de contenção?

Caso a contenção ortodôntica não seja aplicada ou usada corretamente pelo paciente (conforme indicado pelo dentista), os dentes podem sair do lugar progressivamente, fazendo com que você perca os bons resultados do tratamento anterior — e até precise colocar de novo o aparelho ortodôntico fixo para corrigir o problema. Justamente por isso, os profissionais costumam indicar o uso da contenção para todos aqueles que já se submeteram a tratamentos desse tipo.


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Dependendo do caso, seu uso poderá ser permanente, no qual as contenções ficarão fixas em alguma parte da boca, enquanto em outros, a contenção ortodôntica será necessária apenas durante um determinado período. Quem definirá o uso e o modelo será o dentista responsável pelo tratamento.

Quais as vantagens da contenção ortodôntica?

O aparelho de contenção é bastante útil para manter a estabilidade e o resultado obtido no tratamento ortodôntico. Dessa forma, o paciente tem muito mais segurança no tratamento, consolidando seus resultados e mantendo o alinhamento dos dentes.

Se o dentista indicar a contenção móvel, você terá mais conforto, pois poderá retirá-la sempre que houver necessidade, mas será preciso usá-la durante o tempo estipulado pelo profissional. Lembre-se de que se a quantidade de horas diárias não for respeitada, você pode colocar seu tratamento em risco. Por isso, siga à risca as orientações!

Finalmente, é importante ressaltar que para que a contenção ortodôntica tenha os efeitos desejados, é fundamental ter o acompanhamento de um dentista capacitado e de confiança. Além disso, como dissemos, é preciso usar o aparelho corretamente e cuidar bem da sua higiene bucal.

Gostou do artigo de hoje? Quer ter acesso a novos posts sobre odontologia e saúde bucal? Então, assine a nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades do nosso blog em primeira mão!

Postado em 29/04/2019.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter