Blog Saúde Bucal

Perdi um dente. E agora? Veja 3 razões para prevenir o problema

A queda de um dente de leite é algo natural, pois é um processo que faz parte do nosso crescimento. Mas não é normal a perda de um dente permanente, o que pode indicar algum problema na estrutura dentária e gerar diversas consequências para o bem-estar do indivíduo.

Nesse sentido, é importante ressaltar a necessidade de buscar um dentista o mais rápido possível, já que a falta de um dente leva a uma reabsorção fisiológica do osso de suporte. Logo, a demora do atendimento pode ser muito prejudicial para o paciente. Continue a leitura e veja 3 razões para prevenir o problema da perda de dentes!

O que leva um dente a cair?

Diversos fatores podem ocasionar a perda de um dente, por exemplo um trauma ou uma doença periodontal. Os traumas podem ser ocasionados por bruxismo, acidentes e hábitos alimentares capazes de provocar fissuras e trincas nos dentes.

Por outro lado, a doença periodontal consiste em um processo infeccioso e inflamatório gerado pelo acúmulo de bactéria e tártaro. Por essa razão a higienização é tão essencial, afinal ela evita que situações como essa ocorram em nossa boca.

Desse modo, você pode fazer uso de uma escova macia, realizar a escovação dos dentes pelo menos três vezes ao dia e fazer uso diário do fio dental. Esses procedimentos são primordiais para garantir uma boa saúde bucal.

Quais as consequências de perder um dente?

A perda de um dente permanente ocasiona diversas consequências para a sua saúde. Sendo assim, é preciso buscar estratégias para evitar essa situação. Confira o seus malefícios!

1. Perda da autoestima

A autoestima é uma das maiores consequências da perda dos dentes. Visto que o sorriso fica afetado, o paciente fica com vergonha de sorrir e até mesmo de olhar no espelho. Uma baixa autoestima afeta diversos aspectos da vida de um indivíduo, tanto no âmbito profissional quanto pessoal. Por essa razão, é preciso muito cuidado e zelo com os dentes.

2. Problemas digestivos

Uma das principais consequências da perda de um dente é a diminuição da eficiência mastigatória, pois a quantidade de dentes dentro da boca reduz, assim como a eficiência dos movimentos mastigatórios. Isso afeta todo o processo de trituração dos alimentos.

Dessa maneira, diversos problemas digestivos podem surgir, já que o estômago e o intestino precisarão trabalhar muito mais para conseguir digerir todo o alimento. Com uma boa mastigação, esses contratempos são evitados e todo o processo ocorre de maneira eficiente.

3. Perda óssea

A perda óssea dificulta a instalação de implantes, uma vez que a estrutura necessária para a inserção dos parafusos reduzida, além de provocar danos à gengiva. Por isso, é preciso ir ao dentista quando um dente cair.

Portanto, a perda de um dente ocasiona diversas consequência na saúde bucal do paciente. Todavia, é preciso muita atenção e cuidado para evitar que isso ocorra. Mas saiba que a falta de um dente pode ser solucionada com um implante. Para isso, o profissional precisará avaliar toda a sua boca.

Gostou do nosso post? Então, aproveite para saber o que fazer quando os dentes estão moles!

Pesquisar

Categorias

E-Books

Redes sociais

Publicações Relacionadas

Saúde Bucal

6 principais mitos sobre faceta dentária

As facetas de porcelana estão sendo muito utilizadas nas clínicas odontológicas por conta dos excelentes resultados proporcionados nos dentes, da rapidez em que são colocadas

Encontre a Clínica mais perto de você!

Carregando Unidades...

Selecione uma Unidade para carregar as Datas

Nenhum horário disponível para a data selecionada