Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Dentes tortos: entenda o que causa e quais as complicações



Muitas pessoas pensam que ter dentes tortos não é sinônimo de um grande problema. Isso pode ser explicado pelo fato de muitos acharem que não há motivos para preocupação se isso não compromete a autoestima e a forma como você se enxerga.

Entretanto, vale ressaltar que a realidade nem sempre é essa. Existem diversos fatores que fazem a dentição entortar e é possível que algumas complicações mais graves surjam, o que torna necessário dar a devida atenção ao caso. Para entender um pouco mais sobre o assunto, leia este post até o final. Vamos lá?

O que pode causar os dentes tortos?

Existem alguns hábitos que podem causar essa situação mais comum do que imaginamos. Veja! 

Posição na hora de dormir

Dormir de bruços pode ser muito bom para algumas pessoas, mas nem sempre é bom para os dentes. Por colocar parte do rosto sob pressão, impacta negativamente a dentição e resulta no entortamento.

Apoio do rosto nas mãos

Não existe problema em fazer isso vez ou outra, mas adotar a medida com frequência não é nada legal. Isso porque acontece uma pressão que empurra os dentes, o que pode deixar uma parte da boca mais torta. Em casos mais graves o impacto pode atingir a mandíbula também.

Hábitos de infância

Alguns hábitos no período da infância também podem interferir. Por exemplo, o uso recorrente da chupeta, chupar os dedos ou mamadeira além do tempo recomendado também pode deixar os dentes tortos.

Fatores genéticos/biológicos

Outros pontos que também podem influenciar muito são: inflamação das amígdalas e adenoide, projeção errada da língua — seja ao engolir ou falar — e dificuldades respiratórias. Esses pontos também podem favorecer o entortamento da dentição.

Alimentação/higienização

A alimentação também pode influenciar. Como hoje temos uma dieta mais leve e macia, então é natural que o exercício mastigatório tenha diminuído — um ponto diminui os ossos da face e, por sua vez, pode ajudar na má oclusão dos dentes.

A dieta rica em açúcar também influencia, pois favorece a perda de alguns dentes — mesmo que ainda sejam os dentes de leite. Isso faz com que o encaixe dentário seja comprometido. Por essas e outras razões, não abra mão da higienização.

Quais são os problemas que eles podem trazer?


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Como adiantamos, ter os dentes tortos nem sempre afeta apenas a autoestima. Isso pode sim acontecer em casos mais simples, mas pode provocar problemas mais sérios. Não tem como fugir: a mordida correta é importante para manter os dentes saudáveis.

Entre as complicações podemos citar a dificuldade de mastigação, quebra de dentes e problemas gengivais. E não é só isso: quando a mastigação não acontece da forma correta, pode impactar o sistema digestivo.

Além disso, alguns tipos de dores de cabeça e dores mandibulares também podem acontecer por causa dos dentes tortos. Isso sem contar na recessão gengival, cansaço da musculatura e fratura do esmalte.

Como lidar com a situação?

A melhor medida é estabelecer uma posição correta para os dentes. A ortodontia faz isso por meio dos aparelhos ortodônticos que movimentam a dentição para o lugar correto. Assim, a mastigação é feita da maneira correta.

Hoje existem muitas opções disponíveis e várias delas são muito discretas. Procure um profissional especializado e conheça as melhores opções disponíveis para você. Além disso, fique de olho na prevenção, pois ela é indispensável para quem quer manter a saúde bucal em dia.

Depois de entender um pouco melhor o que causa e quais as complicações dos dentes tortos, esteja atento para a situação da sua arcada. Repare também alguns dos sintomas que compartilhamos aqui e veja o quanto a dentição pode interferir na sua qualidade de vida.

E você, conhece outro impacto que os dentes tortos podem causar? Tem alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe com a gente nos comentários!

Postado em 29/05/2019.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter