z
Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Câncer de boca: entenda e saiba como identificá-lo


cancer de boca entenda e saiba como identificalo

Apesar de não ser um tema de grandes campanhas de conscientização, o câncer de boca é o oitavo mais comum entre homens, e o nono entre mulheres no Brasil, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA).

O nome pode confundir, mas denomina-se câncer de boca, cancro bucal ou câncer oral, todos os tumores malignos que acometem lábios e cavidade oral, que inclui amígdalas, glândulas salivares, mucosas, gengivas, língua, palatos duro e mole e o “assoalho” da boca.

Vamos te explicar agora tudo o que você precisa saber sobre o câncer de boca!

Causas da doença

Entre as principais causas do câncer, está o fumo e o álcool, que são apontados como grandes vilões da saúde bucal. Fumantes e pessoas que consomem bebida alcoólica de forma excessiva têm mais chance de desenvolver o câncer de boca. O risco aumenta progressivamente, conforme o consumo. Quanto maior o consumo de cigarro e bebida,  maior o risco da doença.

Diagnóstico e exames

O câncer de boca tem cura, por isso é importante que o público de risco realize o autoexame e, na presença de alguma lesão persistente na boca, procure profissionais de saúde da área: clínico geral, otorrinolaringologista, cirurgião dentista ou médico cirurgião de cabeça e pescoço.

Autoexame

Simples de incluir na sua rotina e indicado para cuidar da saúde bucal, o autoexame é uma avaliação que qualquer pessoa pode fazer para conhecer a estrutura normal da boca pois, dessa forma, fica mais fácil identificar possíveis lesões anormais. Para realizá-lo, é preciso um espelho e um ambiente iluminado. Assim como em outros casos de câncer, o autoexame não substitui o exame clínico realizado por um profissional.

Público de risco


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


A incidência do câncer de boca é mais comum em pessoas:

  • Fumantes com mais de 40 anos;
  • Pessoas com mais de 40 anos que bebem excessivamente;
  • Pessoas que têm baixo consumo de vitaminas, especialmente vitamina C.

Este público deve realizar o autoexame e consultar o médico regularmente.

Sintomas

Os sintomas do câncer de boca podem se manifestar com mudanças na aparência dos lábios e da parte interna da boca, incluindo caroços, feridas, inchaços, feridas que não cicatrizam, áreas de dormência, sangramentos sem justificativa, dor de garganta crônica e manchas esbranquiçadas ou avermelhadas. Em estágios avançados, os sintomas incluem mau hálito, prejuízo da fala e deglutição, caroço e emagrecimento excessivo.

Tratamento

Ao ser diagnosticado com câncer de boca, o paciente é encaminhado para tratamento, que pode ser a realização de cirurgia ou radioterapia, ou ambos os procedimentos. No caso de lesões em estágio inicial, os dois tratamentos têm bom índice de cura e a escolha será feita pelo médico, indicando o melhor caminho para o paciente.

Cuidados para diminuir o risco do câncer de boca

  • Incluir mais frutas, verduras e legumes nas refeições;
  • Evitar ou diminuir o consumo de cigarro e álcool;
  • Manter a higiene bucal em dia;
  • Consultar o dentista regularmente;
  • Informar-se sobre o exame clínico da boca com o médico e agendar uma avaliação;
  • Evitar a exposição solar demasiada, pois aumenta as chances de se ter o câncer de boca.

Gostou do nosso post sobre o câncer de boca? Então não deixe de ler o artigo sobre qual a relação da saúde bucal e as doenças do coração!

Postado em 10/10/2016.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter