Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Entenda o que é e qual a importância da documentação ortodôntica!



Ao procurar um dentista, é comum ter dúvidas quanto ao procedimento do profissional. Mas antes de iniciar qualquer tratamento, o especialista deve requerer uma série de documentos para conhecer a boca do paciente.

Para esclarecer esse assunto, a seguir vamos explicar para que serve e qual a importância da documentação ortodôntica. Continue a leitura para conferir!

O que é e para que serve a documentação ortodôntica?

Não há como tratar um problema sem antes conhecer o que está causando o incômodo. Na clínica vale a mesma lógica para a documentação ortodôntica, que consiste em uma série de exames requisitados pelo dentista para investigar alguma disfunção na boca do paciente.

Os documentos solicitados nessa fase vão desde radiografias a modelos das arcadas em gesso, passando por fotografias da parte interna e externa da boca até tomografias, a depender do caso apresentado.

Quais são as consequências da falta dos documentos?

Como já explicado, a documentação ortodôntica delimita o problema bucal do paciente e oferece um mapeamento para o dentista chegar a uma solução viável. Nesse sentido, os documentos solicitados na primeira consulta mostram a formação óssea e as arcadas dentárias.

A falta da documentação pode ocasionar alguns contratempos, como: a incerteza sobre a situação óssea do paciente, o diagnóstico precário sobre o posicionamento das arcadas, e o bloqueio para planejar o prazo e os detalhes do tratamento.


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Qualquer procedimento clínico para deixar o sorriso mais harmônico mexe com algumas estruturas da face, com o intuito de retomar as funções e a estética da boca. Então, o profissional é obrigado a pedir a documentação ortodôntica, priorizando a segurança e, o mais importante, a sua saúde.

Por isso, se você estiver na cadeira do dentista e ele pular a etapa da indicação dos documentos que investigam o estado da sua boca, desconfie se ele realmente é um especialista no assunto. Afinal, a falta desse procedimento pode afetar não apenas o diagnóstico como a saúde dos dentes, gengiva e ossos da região bucal.

Por que é fundamental seguir a indicação do dentista?

Caso você não siga a orientação do especialista e resolva pular a importante etapa da documentação ortodôntica, não será possível prosseguir o atendimento uma vez que o profissional não terá clareza sobre o que tratar.

Nesse sentido, para ter sucesso no diagnóstico e na correção do seu problema bucal, é importante escolher uma ótima clínica e acompanhar a recomendação do seu dentista. Com atenção aos pedidos do profissional e fazendo a higiene bucal em casa corretamente, o seu tratamento será muito mais eficiente!

Neste conteúdo você aprendeu sobre os documentos necessários para iniciar qualquer tratamento na clínica. Lembre-se que o mapeamento ajuda a reconhecer o problema e auxilia no planejamento para que você ganhe função e beleza ao sorrir. Portanto, o profissional pode solicitar diversos exames, desde a radiografia até tomografia, passando por fotografia intra e extra-orais, entre outros. 

Agora que você sabe que a documentação ortodôntica é necessária para obter diagnóstico sobre os problemas bucais, deixe um comentário no post sobre a sua experiência!

Postado em 18/06/2019.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter