Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

4 dicas essenciais para prevenir a quebra dos brackets ortodônticos



O tratamento com aparelho ortodôntico pode durar meses ou alguns anos. Ao longo desse tempo, é comum que ocorram imprevistos e até alguns acidentes como a quebra dos brackets, que são as peças coladas em cada dente com a função de auxiliar na correção do posicionamento dental e alinhamento do sorriso.

Um dos principais impactos negativos causados por esses danos, é o atraso na obtenção e finalização dos resultados. Por isso, preparamos este post para informar você algumas maneiras de evitar incidentes que podem levar à quebra dos brackets ortodônticos. Se interessou pelo assunto? Então, continue a leitura e acompanhe as dicas!

1. Comparecer às consultas mensais

Muitos pacientes — depois de colocar o aparelho —  tendem a não comparecer às consultas mensais com o dentista para o ajuste do arco e dos brackets. Quando alguma peça é danificada, a pessoa pode sentir apenas um pequeno desconforto e, por acreditar que não terá prejuízos, deixa de procurar o profissional.

No entanto, se as visitas ao consultório forem regulares, o ortodontista perceberá imediatamente o problema e realizará a manutenção. Dessa forma, evita-se o incomodo e também o desprendimento do arco, que acontece principalmente nos casos em que os brackets ortodônticos danificados são aqueles dos dentes traseiros — situação que pode causar inflamação e sangramento gengival. 

2. Escovar os dentes sem colocar força 

Um dos grandes erros na hora de fazer a higiene bucal é escovar os dentes com muita força. Esse péssimo hábito, além de contribuir para o desgaste dos dentes, pode também levar à quebra dos brackets. Portanto, faça a escovação com calma, de modo que você tenha certeza que higienizou toda a boca. Uma boa limpeza está associada ao hábito e à disciplina, a força não garantirá a correta higienização.

3. Evitar alimentos muito duros 

Uma das causas mais comuns para a quebra dos brackets ortodônticos é a mastigação de determinados alimentos que, além de dificultarem a higiene bucal, também podem provocar danos ao aparelho ortodôntico.

Por isso, evite a ingestão de balas, chicletes, pirulitos, pipoca, nozes, castanhas e outros alimentos duros que exijam mais força na mastigação. O ideal é cortá-los em pedaços menores. Assim, você consegue preservar as peças ortodônticas até o final do tratamento.

4. Deixar determinados hábitos 


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


Outra situação que causa a quebra dos brackets é quando a pessoa —  por ansiedade ou hábito — tem o costume de roer unhas ou objetos duros como lápis e tampas de caneta. Isso induz o paciente a exercer força excessiva sobre as peças, o que pode danificá-las e antecipar a manutenção ortodôntica.

 Ao perceber qualquer problema com o seu aparelho, entre em contato com o seu dentista o mais rápido possível. Evite tentar reparar o dano em casa. Somente o profissional poderá solucionar, pois existem diferentes modelos de aparelhos e cada um deles exige um tipo manutenção específica.

Como você pode perceber, por mais que certas práticas sejam difíceis de deixar, com um pouco de bom senso e disciplina é possível evitar essas situações que atrapalham o tratamento ortodôntico. Siga as nossas dicas, previna a quebra dos brackets e não deixe de visitar o ortodontista regularmente.

E aí, gostou do post? Então, aproveite para conferir também 5 mitos sobre aparelho dental!

Postado em 26/04/2019.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter