Conheça mais sobre os nossos modelos de franquia

5 dicas de como divulgar uma clínica odontológica e atrair mais pacientes


divulgar uma clínica

Muitos profissionais da odontologia consideram a publicidade como um investimento alto demais, além de complicado e distante de suas rotinas. Essa má-impressão pode ser resultado do pouco ou nenhum contato com as ferramentas certas de divulgação. Em alguns casos, até houve uma tentativa, frustrada por não verem os resultados ou não conseguirem mensurá-los. O fato é que divulgar uma clínica requer planejamento.

Não basta criar perfis nas redes sociais, investir em uma fachada bonita ou distribuir panfletos. A divulgação da clínica odontológica precisa ser estruturada em um conjunto de ações que seja capaz de conquistar a atenção e a confiança dos pacientes.

Assim, por meio das ferramentas certas, o empreendimento será visto pelo público e reconhecido por quem utiliza os seus serviços. Confira 5 dicas eficientes de como divulgar a sua clínica odontológica e atrair mais pacientes.

1. Faça o planejamento correto da divulgação

Quem decide empreender e abre a sua própria clínica odontológica, especialmente no momento em que vivemos no Brasil, precisa ter força de vontade, paciência e muito jogo de cintura. Esses aspectos subjetivos são essenciais para o funcionamento do negócio, porém, existe algo que pode diferenciar a sua clínica das demais: o planejamento de marketing. Seguindo aquele velho provérbio, “quem não é visto, não é lembrado”.

Quando se deixa de investir em um plano de marketing consistente, nenhum negócio tende a caminhar bem. Alguns empreendedores, principalmente os que estão na área da saúde, ainda insistem em enxergar o marketing apenas como uma despesa, em vez de um investimento que trará retorno financeiro e reconhecimento. Esse pensamento dá a entender que os serviços odontológicos, por se tratarem de uma necessidade da população, serão encontrados magicamente pelos consumidores.

Por outro lado, quando uma clínica odontológica investe em divulgação, ela sai na frente das demais porque consegue se comunicar de modo preciso com as pessoas certas. Afinal, assim como outros tipos de negócios, cada clínica de odontologia tem o seu próprio público específico. Esse, por sua vez, precisa receber uma mensagem direcionada para ser atraído. Antes de descobrir com quem você falará, é necessário planejar algumas etapas. Confira quais são:

1.1. Estude o plano de negócios da sua clínica

Antes de tudo, analise o perfil da sua clínica odontológica. Para isso, pense no momento em que você decidiu ser dentista e dono do próprio negócio, tendo em mente todos os motivos que levaram você a investir na profissão e nesse espaço. Ou seja, é preciso saber quais são os seus objetivos, metas e plano de expansão para descobrir o investimento necessário para cada uma das ações que estão por vir. Reúna essas e outras informações importantes para o crescimento da clínica.

1.2. Analise o segmento do qual faz parte

O próximo passo é partir para a análise do segmento do qual faz parte: o mercado odontológico. Aqui, é preciso conhecer todos os fatores (internos ou externos) que influenciam a clínica: economia, política, cultura, tecnologia, fornecedores, concorrentes, público-alvo e parceiros. Liste também os pontos positivos e negativos do seu negócio perante o mercado, identificando os diferenciais que ele tem e os que necessitam de melhoria.

1.3. Saiba quem são os seus concorrentes

Jamais ignore as demais empresas que atuam no seu segmento. Saiba também quais são os pontos positivos e negativos dos produtos e serviços comercializados por elas, comparando-os com os da sua clínica odontológica. O conhecimento sobre a concorrência permite que você agregue diferencial competitivo ao seu negócio, aumentando e fortalecendo a base necessária para atrair mais pacientes. Aproveite essas informações para definir a sua posição no mercado.

1.4. Defina as estratégias e ações a serem tomadas

A partir das informações coletadas até aqui, reforce o objetivo do seu plano de marketing: atrair mais pacientes. Todas as estratégias e ações a serem tomadas devem ser baseadas no objetivo. Por isso, enxergue-o com realismo para que a clínica odontológica cresça progressivamente e atinja os índices desejados. Detalharemos as estratégias de marketing no tópico 3.

1.5. Estabeleça um cronograma de execução do plano de marketing

Depois que você definiu as estratégias e ações a serem tomadas, estabeleça um cronograma de execução do plano de marketing. O monitoramento dele é de grande importância para que os resultados sejam coletados e avaliados. Isso permite a identificação de pontos que deram certo e outros que ainda necessitam receber melhorias. Com isso em mente, determine o tempo de cada ação e o esforço destinado para elas.

2. Conheça o perfil do paciente para segmentar suas ações

O plano de marketing, bem como as ações e estratégias que ele traz, será voltado de maneira direta para atingir o público-alvo, ou seja, as pessoas que consumirão os produtos e serviços oferecidos pela clínica de odontologia. Para impactá-los com precisão, é necessário que antes você saiba mais sobre o perfil do cliente. Portanto, entenda as suas necessidades para conseguir oferecer soluções personalizadas.

Tendo em vista que todas as pessoas não são iguais, você precisa destinar suas estratégias e ações para uma parte do público. Por isso, entenda primeiramente o público-alvo para o qual você destinará seus esforços. Dentro dele, vale a pena investir na criação de buyer personas.

Nesse sentido, elas são diferentes do público-alvo, que é caracterizado por um segmento da sociedade que possui determinadas características em comum, como gênero, profissão, idade ou local onde reside. Já a persona é a personificação do seu cliente ideal.

Entenda a persona como uma representação que se distancia da generalização que o público-alvo traz. Por isso, é fundamental que, antes de criar a persona, você tenha as informações sobre o público-alvo. Essa definição permitirá que você tenha embasamento suficiente para começar a personificação do seu cliente ideal. Quando bem definida, a persona potencializa a sua estratégia de marketing para que ela se torne mais efetiva.

2.1. Entenda como a buyer persona auxilia na sua estratégia

Utilize o máximo de informações sobre o público-alvo para definir a buyer persona. Será a partir desses dados que você estabelecerá uma comunicação eficiente com o seu público. Toda a comunicação que for feita para atrair pacientes terá o tom de voz destinado à persona que foi criada, provocando um impacto mais preciso — diferente do que ocorreria se você tentasse se comunicar com um grupo heterogêneo por meio da mesma mensagem.

2.2. Busque informações para criar a persona certa

A criação da buyer persona não é feita a partir de palpites ou suposições. É preciso trabalhar com fatos reais. Por esse motivo, invista na realização de pesquisas, entrevistas e coletas sistematizadas de dados junto aos clientes e prospects.

A lista de perguntas será extensa, porém, necessária para o sucesso da personificação do seu cliente ideal. Questione aspectos como a rotina no trabalho, em que tipo de empresa atua, quais são os objetivos pessoais, se tem desafios, como se informa, os hábitos de compra e interesses.

2.3. Encontre as características comuns entre os pacientes

Depois de elaborar o questionário para a criação da buyer persona, faça uma análise entre as respostas para encontrar as características comuns entre os pacientes. Identifique quais são as necessidades e os problemas que eles têm. Caso perceba que o público entrevistado possui características muito díspares, estude a possibilidade de criar mais de uma persona. Apenas fique atento, pois, a quantidade de ações e estratégias deve equivaler ao número de personas.

2.4. Estruture as informações sobre a persona

Quando for estruturar as informações sobre a persona, organize os dados de forma que eles possam personifica-la. Dê nome, idade, profissão e descreva o cotidiano dela. Aponte as suas dificuldades, necessidades e reclamações. Caso seja necessário, conte uma pequena história sobre ela. Pense na persona como um ser humano único, não como um grupo de pessoas, sempre lembrando que a sua comunicação será voltada para ela.

2.5. Evite os erros mais comuns

É muito comum que, durante a criação de buyer personas, você acabe se empolgando e criando um número muito alto — com o intuito de atingir o máximo de pacientes. No entanto, não se deixe enganar com isso. Quanto maior for o número de personas, mais complexo será o seu planejamento de marketing odontológico. Direcione o seu esforço para uma quantidade melhor, promovendo assim um trabalho de mais qualidade.

Além disso, tenha cuidado com as suposições. A construção da persona é feita com base em dados reais, frutos de uma pesquisa detalhada. Em vez de achar, tenha certeza e também evite perder tempo com detalhes muito irrelevantes, mantendo o foco nas características que são importantes. A rotina que a persona tem em relação à própria saúde bucal, por exemplo, é mais importante do que a cor do cabelo dela ou dos olhos.

3. Utilize as melhores estratégias de marketing

Nós já falamos sobre os dois aspectos básicos que fundamentam as melhores estratégias de marketing: o planejamento e o conhecimento sobre o público. Chegou o momento de focarmos nas ações que podem ser tomadas para atrair mais pacientes. A seguir, você vai entender por que é preciso considerar os meios disponíveis, tanto o digital quanto o offline, e encontrar as soluções mais criativas e inovadoras para atingir o seu objetivo:

3.1. Tenha um site para divulgar uma clínica


Quero ser franqueado


A maioria da população brasileira tem um smartphone conectado à internet. Quando as pessoas precisam adquirir um produto ou contratar serviços, elas realizam buscas online com a finalidade de encontrar soluções compatíveis com as próprias necessidades. Se a sua clínica tiver um site, ele poderá ser listado entre os resultados. Coloque nesse espaço o máximo de informações: telefone, endereço, horário de atendimento e outros.

3.2. Coloque o seu negócio no Google Maps

O Google Maps se transformou em referência quando o assunto é descobrir o que há nas ruas, avenidas, bairros e cidades. No site Google Meu Negócio, em três etapas, é possível cadastrar a sua clínica de odontologia para aparecer nos mapas virtuais. Tendo isso em vista, informe os dados da clínica, aponte-a no mapa, confirme que você é o proprietário do negócio e ajude as pessoas a encontrarem o seu empreendimento na internet. Você também pode cadastrar a clínica em aplicativos como o Foursquare.

3.3. Crie perfis nas redes sociais e participe ativamente

As redes sociais servem de ponto de encontro para a maioria da população. Faça como os outros negócios e crie a página da sua clínica nas principais redes, de acordo com as preferências da persona que foi criada anteriormente, aproveitando esses espaços para interagir com as pessoas e compartilhar informações úteis, como dicas e alertas de saúde bucal. Sobretudo, transforme esses espaços em mais um ponto de contato entre a sua marca e o público.

3.4. Atualize o seu mailing

Todo paciente que for atendido em sua clínica odontológica precisa preencher um perfil informando os seus principais dados. Aproveite essa ficha para solicitar o e-mail dos pacientes. Crie o seu próprio mailing para, por meio do e-mail marketing, estabelecer um vínculo entre vocês. Utilize essa ferramenta para contar novidades, lembrar os procedimentos que devem ser feitos e até marcar novas consultas. Não esqueça de comemorar com eles as datas especiais, como o aniversário.

3.5. Compre palavras-chave

Buscadores, como o Google, permitem que você invista na compra de palavras-chaves para divulgar uma clínica odontológica nos resultados que são apresentados. Veja no Google Trends, por exemplo, quais são os termos mais pesquisados.  A partir disso, invista nas palavras-chave que fazem sentido para o seu negócio e pense em estratégias como associá-las ao bairro, região ou cidade onde mora.

3.6. Pesquise os veículos de comunicação regionais

O marketing offline também deve ser considerado na sua estratégia de divulgação. Pesquise os veículos de comunicação regionais. Os jornais, por exemplo, sempre estão em busca de pautas interessantes, então, aproveite o seu conhecimento e sugira temas relacionados ao seu trabalho que sejam interessantes para a população.

3.7. Coloque um blog no seu site

Já notou como as pessoas andam cada vez mais ávidas por informação? O público consumidor está mais exigente quanto à qualidade dos produtos e serviços que adquire, portanto, busca na internet frequentemente os prós e contras antes de fechar negócio.

Para usar isso em seu favor, coloque um blog no site da sua clínica e compartilhe conteúdo relevante, que atenda às necessidades e problemas levantados na definição da persona. Assim, você conseguirá se tornar referência no seu segmento e conquistar a atenção e confiança de mais pacientes.

4. Invista em um atendimento de qualidade

Outra forma de atrair pacientes ocorre por meio da prestação de um atendimento de qualidade, baseado em soluções que facilitem a rotina das pessoas. Quando um serviço é bem prestado, os pacientes tendem a se transformar em fãs da sua marca. Ou seja, eles vão às redes sociais divulgar uma clínica e os resultados dos seus tratamentos, estimulando o marketing boca a boca. Por isso, fique atento com as dicas a seguir.

4.1. Cadastre-se nos convênios odontológicos

No começo da carreira, é comum que alguns profissionais se questionem quanto a atender ou não os convênios odontológicos. As desvantagens envolvem os valores baixos e a burocracia, tanto para começar quanto finalizar os tratamentos. Como o seu objetivo é atrair mais pacientes, os convênios odontológicos apresentam como vantagem a ampla divulgação da sua clínica em seus canais de atendimento. Trata-se do meio ideal para quem está chegando agora no mercado de odontologia e ainda não tem um público fidelizado.

4.2. Facilite o atendimento dos pacientes

Em vez de apostar nos meios tradicionais para atender os seus pacientes, que tal inovar? Ofereça a possibilidade de agendamento e remarcação de consultas por meio de uma agenda online. Inclusive, existem aplicativos direcionados somente para a gestão da agenda das clínicas, facilitando as ações dos pacientes. Aqueles que preferirem falar com a recepcionista poderão ligar no telefone da clínica.

4.3. Transforme pacientes em fãs

Para transformar seus pacientes em fãs, ofereça um atendimento de qualidade. Isso significa ser o profissional responsável por garantir o sorriso das pessoas que atende. Proporcione essa satisfação para gerar publicidade instantânea, ou seja, deixar as pessoas tão contentes que elas, sem nenhum tipo de pressão ou orientação, se sentirão á vontade para mostrar para o mundo o resultado do seu trabalho.

4.4. Capacite a sua equipe de atendimento

O seu trabalho reflete muito na opinião do paciente, porém, existem outros aspectos que devem ser considerados. Um deles é a equipe responsável pelo atendimento. Profissionais bem preparados são mais eficientes e conseguem estabelecer com o público uma relação cordial, amigável e de confiança, fortalecendo o vínculo entre dentista e paciente. Por isso, capacite a sua equipe para que todos possam atender bem os pacientes que vão à sua clínica.

4.5. Avalie a experiência oferecida

Com uma certa frequência, peça aos seus pacientes para que avaliem alguns aspectos relacionados à clínica odontológica. Solicite que eles falem sobre a qualidade do atendimento, a infraestrutura disponibilizada e outros pontos que facilitem a sua avaliação acerca da experiência oferecida. Com essas informações em mãos, analise as respostas dadas e encontre os pontos que necessitam de melhoria, direcionando os seus esforços para eles, sem deixar de lado aqueles que são vistos como positivos.

5. Qualifique o seu relacionamento para promover a fidelização

Além de atrair novos pacientes, é muito importante que você qualifique o seu relacionamento com eles para promover a fidelização. Não tenha dúvida: é mais caro conquistar um novo paciente do que manter aquele que já está sendo atendido. Rentabilize os pacientes que já fazem parte da sua base por meio de ações simples que estimulam o contato frequente entre vocês. Saiba quais são elas a seguir:

5.1. Mantenha contato com os pacientes

Aproveite os dados fornecidos no preenchimento da ficha cadastral para manter um contato frequente com os seus pacientes, compartilhando por e-mail as atualizações do seu blog ou enviando mensagens de texto para relembrar as consultas agendadas. O mais importante é que você mantenha cada paciente próximo da sua clínica, em um relacionamento baseado em confiança, demonstrando o quanto você se importa com a saúde deles.

5.2. Estabeleça parcerias com outras empresas

Aproveite o comércio local para estabelecer parcerias com outras empresas, conversando com outros empreendedores e apresentando o seu trabalho. O convênio odontológico oferecido aos funcionários dessas empresas pode ser um dos que você aceita na clínica. Ajude a aquecer a economia local por meio dessas parcerias.

5.3. Faça os seus pacientes se sentirem especiais

Dentro da sua clínica, os seus pacientes precisam se sentir especiais. Portanto, ofereça um atendimento de qualidade, recomendando os tratamentos mais adequados, além de falar sempre a verdade. Sobretudo, tenha em mente que você deve entender as necessidades que cada pessoa tem para poder indicar os serviços necessários para que elas tenham seus problemas resolvidos.

Aproveite para, no final do atendimento, distribuir objetos importantes para os cuidados com a saúde bucal, como o fio dental. Eles podem ser personalizados e apresentarem dicas rápidas de como a limpeza deve ser feita. Você também pode inserir o nome da sua clínica e colocar um telefone de contato, caso apareçam dúvidas.

5.4. Esforce-se para trazer de volta quem deixou a clínica

Algum paciente deixou de se consultar na sua clínica? Entenda os motivos por trás dessa decisão e esforce-se para trazê-lo de volta. A interrupção da frequência de um paciente pode significar insatisfação quanto ao atendimento ou serviço prestado, bem como revelar outros aspectos que podem estar distantes do alcance do seu olhar.

Por isso, envie um e-mail para cada paciente que deixou de frequentar a clínica e entenda seus motivos. Diante das respostas fornecidas, trabalhe para corrigir os problemas e continuar prestando um bom serviço em prol da saúde bucal das pessoas.

Percebeu como divulgar uma clínica odontológica é importante? Então, invista nos recursos certos para atrair mais pacientes e valorize o relacionamento com as pessoas e o seu trabalho.

Gostou deste post? Continue enriquecendo o seu conhecimento sobre o assunto e baixe o nosso guia com tudo o que você precisa saber para atrair mais pacientes para a sua clínica. Nele, falamos mais sobre marketing e abordamos pontos fundamentais para o seu sucesso, como a aposta em nichos e o investimento em capacitação e especialização.

Postado em 01/09/2017.


Compartilhe

Siga-nos no facebook

Siga-nos no Linkedin

Siga-nos no Linkedin