Agende a sua avaliação
Ou agende pelos telefones (11) 2672-5700 - Estado de SP 0800 601 1520 - Demais estados

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Agende a sua avaliação

Estou com dor de dente, e agora?


estou com dor de dente e agora

Sentir dor nunca é agradável para ninguém. Ao contrário: é uma sensação que incomoda muito. E quando é dor de dente, chega a ser ainda pior! Afinal, o sofrimento compromete atividades muito importantes, como falar e comer — o que pode atrapalhar o trabalho, os estudos e até relacionamentos.

Por conta disso, muitas pessoas não resistem e tomam logo um analgésico para aliviar. E o uso do medicamento pode até suavizar o incômodo, mas é preciso cuidado para que não mascare o problema, que deve ser investigado imediatamente com um profissional.

Neste post, vamos ajudar você a entender como agir quando estiver com dor de dente. Então continue lendo e confira as nossas dicas!

Causas da dor de dente

De fato, diversos motivos podem causar dores de dente. Por isso, é preciso contar com o auxílio de um dentista para identificar essa causa, pois só assim você conseguirá tratar a dor da melhor maneira possível. Algumas das causas mais comuns são:

Desgaste

O esmalte — a cobertura que protege o dente — pode ter sido degradado por conta de uma escovação muito bruta, ingestão de alimentos ácidos ou produtos abrasivos. E essa corrosão aumenta a sensibilidade do dente, podendo causar dor.

Gengiva

O problema também pode estar nessa parte da boca, que fica retraída se acontecer algum dano durante a escovação, ou se estiver com doenças causadas por placas ou inflamações.

Em alguns casos, a dor de dente pode ser causada por restos de alimentos, que ficaram agarrados entre os dentes e acabaram gerando alguma inflamação na gengiva. Isso é muito comum de acontecer após a ingestão de determinados tipos de carnes ou pipoca, por exemplo.

Fraturas

Qualquer tipo de pancada perto da boca pode resultar em lasca, quebra ou mesmo extração de algum dente, o que pode causar muita dor. E as fraturas nem sempre são visíveis. Por isso, muitas vezes, o dentista precisa solicitar uma radiografia para melhor diagnóstico.

Cáries

Elas são mesmo as grandes vilãs da saúde bucal. Tanto uma cárie nova quanto uma profunda podem causar dores nos dentes.

No geral, esse é um problema fácil de prevenir, por meio de uma higiene bucal bem feita. Porém, se a cárie já estiver profunda, será preciso procurar um dentista para realizar o tratamento adequado.

Bruxismo

O bruxismo é um problema bem comum, e pode causar dor por diversos motivos, não só nos dentes mas em toda a cabeça. O primeiro motivo é a pressão e a força que se faz, inconscientemente, ao ranger os dentes. Isso faz com que toda a cabeça fique mais tensa e dolorida.

Além disso, esse ranger dos dentes acaba causando um grande desgaste, o que os deixa mais sensíveis e, consequentemente, doloridos.

Tratamentos diversos

Além das causas citadas anteriormente, tratamentos dentários também podem causar dor. Aparelhos ortodônticos costumam gerar grandes incômodos, e canais incompletos podem fazer os dentes sofrerem um pouco.

Como proceder em caso de dor de dente

Consulte logo o dentista


Agende sua avaliação

Se preferir, agende por Telefone: 0800 601 1520


É preciso ter algo em mente: dentes saudáveis não doem. Logo, se você está sentindo um desconforto é porque tem algo errado na sua saúde bucal. Consulte seu dentista o mais rápido possível para investigar as causas — que, como vimos, podem ser várias.

Além de examinar a boca, o profissional vai fazer uma série de perguntas sobre a dor: tipo, intensidade, duração, se alguma medicação foi tomada, e quais são os hábitos do paciente.

E é necessário responder a todas com paciência e franqueza para colaborar com o diagnóstico. Só assim ele poderá descobrir a causa e indicar um tratamento, te ajudando a se livrar da dor o mais rápido possível e deixando seus dentes saudáveis novamente.

Higienize a boca

Uma boca limpa não é a solução para qualquer tipo de dor de dente, mas pode aliviar o problema dependendo da sua causa, ou evitar que ele piore. Quanto a isso, além da escovação e do uso do fio dental, você pode usar algumas receitas caseiras para potencializar essa higiene.

Uma das opções é bochechar com água e sal — um copo de água para uma colher de chá de sal — durante 30 segundos, para deixar a boca mais limpa e livre de micro-organismos.

Coloque gelo

O gelo não vai resolver o problema que está causando a sua dor, mas pode ajudar a aliviá-la por algum tempo até que você consiga tomar as providências necessárias, como ir ao dentista. E o ponto positivo do gelo é que ele não tem contraindicações; pode ser usado quando você julgar necessário.

Resolvendo a dor de dente

Felizmente, a maioria das causas tem tratamento. Após o diagnóstico, o dentista vai prescrever medicação, se necessário, e alguma terapêutica que pode variar de acordo com a origem da dor. Podem ser mudanças na rotina da escovação, implantes, restauração, canal, drenagens etc.

E mesmo a dor fraca precisa ser verificada, portanto, não espere que ela fique insuportável para procurar ajuda.

Assim, quanto antes o paciente procurar o dentista, melhor. Descobrindo a razão do incômodo e seguindo à risca as orientações do profissional, o problema será solucionado rapidamente, e sua vida voltará ao normal.

Dependendo do caso, pode ser até necessário o uso de antibióticos ou outros medicamentos mais fortes. Por isso é tão importante que um profissional avalie seu caso o mais rápido possível. Assim como pode não ser nada demais, pode ser um problema mais sério e que vai exigir um tratamento maior.

Agora, vale lembrar que os medicamentos analgésicos podem ser um alívio veloz para a dor de dente, mas seu uso deve ser feito com cuidado e com prescrição médica, pois podem ter alguma contraindicação ou efeito colateral.

Como prevenir o problema

Depois da sua primeira dor de dente, você vai desejar que ela seja a última de sua vida. Por isso, é preciso saber como prevenir esse problema para não precisar remediá-lo no futuro. Vejamos, então, algumas das melhores maneiras de evitar essa dor tão desagradável:

  • mantendo uma boa higiene bucal, para evitar bactérias, cáries e inflamações;
  • fazendo visitas regulares ao dentista, para que ele possa diagnosticar possíveis causas de dor logo no início;
  • evitando o desgaste do esmalte de seus dentes;
  • usando protetor bucal quando for praticar esportes ou outras atividades que podem causar lesões;
  • mantenha uma alimentação saudável e equilibrada, já que a saúde do organismo reflete até mesmo nos dentes. Consuma cálcio com frequência, pois ele pode fortalecer os dentes.

Enfim, gostou do post? Agora que você sabe o que deve ser feito quando tiver dor de dente, aproveite para saber mais e conheça os alimentos amigos dos dentes e gengivas!

Postado em 17/10/2016.


Compartilhe

Siga-nos no twitter

Siga-nos no twitter