Conheça mais sobre os nossos modelos de franquia

Pontos positivos em abrir uma franquia odontológica


Pontos positivos em abrir uma franquia odontológica

Quem se dedica à área da saúde nem sempre domina o conhecimento necessário em gestão para começar e manter um negócio próprio.

No caso dos dentistas, abrir uma franquia odontológica pode ser a melhor forma de lançar um novo empreendimento, já que essa opção permite contar com o suporte de profissionais experientes e a segurança de uma marca consolidada no mercado.

Diante das muitas possibilidades para começar uma clínica odontológica e considerando as dificuldades iniciais para investir tempo e dinheiro na formação de um novo empreendimento, listamos seis pontos positivos para você apostar nesse tipo de negócio!

1. Garantia de mais segurança

A formação de um dentista, da graduação até os cursos de especialização, geralmente não contempla as disciplinas necessárias para o gerenciamento de um negócio.

O exercício da odontologia é altamente técnico e exige elevada capacidade de focar a atenção, o que explica, de certa forma, a incompatibilidade de alguns profissionais com o perfil de gestor.

De fato, é difícil imaginar um dentista que dê conta de atender pacientes com o nível de concentração necessário, estudar cada caso para encontrar o tratamento adequado e, em meio ao dia a dia do consultório, ainda gerenciar um empreendimento.

Juntando a tudo isso o custo em tempo e dinheiro para manter uma empresa, fica difícil imaginar a continuidade da clínica.

Por isso, a franquia surge como a melhor alternativa para profissionais que estão buscando um novo espaço no mercado, já que possibilita o crescimento saudável sem as dores de um negócio que começa do zero.

2. Facilidade para atrair mais clientes

Todo dentista que pretende empreender, antes de começar um negócio, precisa ter bem definidos os processos de captação de uma base ideal de clientes para seu consultório odontológico. Esses processos envolvem ações de marketing que exigem esforços focados.

O marketing voltado para clínicas odontológicas que estão começando torna-se mais efetivo quando já existe uma marca conhecida que dê respaldo às ações de divulgação.

O futuro cliente se sente mais seguro em confiar seu tratamento a um profissional com referências. Na falta do bom e velho boca a boca, é a marca que vai falar para o público que os serviços prestados são de qualidade.

3. Diminuição dos custos de operação

Os gastos com equipamentos para os diversos tipos de tratamentos odontológicos não são baixos, seja pelo alto valor agregado, a exemplo de materiais cirúrgicos, seja pelo consumo em grande quantidade, como no caso de luvas e máscaras.

Portanto, negociar bons preços é crucial para que uma clínica se mantenha competitiva.

Nesse quesito, abrir uma franquia odontológica já se mostra a opção mais vantajosa, porque, nesse modelo de negócio, a compra de materiais é facilitada pela maior capacidade de barganha.

Afinal, uma coisa é negociar descontos para suprir as necessidades de uma clínica, outra é comprar insumos contando com a possibilidade da aquisição por atacado.


Quero ser franqueado


O modelo de franquia confere maior poder de fogo na hora de negociar com fornecedores, justamente pela expectativa mais segura de atender a um volume maior de clientes.

4. Maior eficácia para o gerenciamento

O foco de um dentista, independentemente de ter ou não perfil empreendedor, está sempre em atender bem seus clientes. Um recomeço profissional não pode significar perda na qualidade conquistada com a experiência.

Por outro lado, uma clínica odontológica não deve abrir mão das práticas gerenciais, de contar com o suporte de profissionais e especialistas em gestão, marketing e captação de clientes.

Nesse sentido, novamente a franquia desponta como a solução para equilibrar as coisas. O dentista poderá continuar se dedicando ao que realmente interessa, que é em oferecer o melhor para seus clientes, enquanto o suporte oferecido pela franquia cuida de toda a parte administrativa e relacionada ao marketing do novo negócio.

Outra vantagem relacionada a esse aspecto é que, na franquia, muitos processos de recursos humanos, contabilidade e rotinas administrativas são controlados automaticamente, por meio de softwares desenvolvidos para tais finalidades.

5. Segurança para reinvestir seu capital

A abertura de uma franquia envolve também os aspectos financeiros comuns a qualquer negócio que envolva a prestação de serviços. Nesse sentido, um ponto muito importante — mas que nem sempre recebe a devida atenção — é saber como reinvestir o capital no próprio negócio.

A escolha por materiais de melhor qualidade, a compra de novos equipamentos e o investimento na atualização profissional são algumas das várias formas de expandir um empreendimento.

Continuar crescendo é desafiador, e, nesse sentido, a franquia é a opção mais segura em meio aos contínuos obstáculos que um negócio ligado à saúde enfrenta.

O investimento em marketing, por exemplo, precisa ser bem direcionado. Numa franquia, já existe um modelo pronto, que prevê um percentual destinado para planejamento e execução das ações, visando o fortalecimento da marca.

É uma preocupação a menos e uma garantia a mais para o dentista, que pode se manter focado no seu aperfeiçoamento pessoal.

6. Possibilidade de oferecer serviços variados

Conciliar bons preços e qualidade é outro ponto que nem sempre quem começa uma clínica odontológica do zero consegue dar conta. Afinal, é necessário garantir um custo de operação mínimo, que garanta, ao mesmo tempo, máxima eficiência, com melhor resultado possível.

Que melhor forma de aliar preços competitivos e qualidade do que recorrendo ao modelo de franquia? Você poderá oferecer desde serviços rotineiros, como clareamentos, até tratamentos ortodônticos mais complexos, tudo com o mesmo padrão de qualidade.

Dessa forma, fica mais fácil construir uma imagem baseada na confiança, muito importante quando a clínica projeta ser referência em cidades médias ou afastadas das grandes metrópoles.

Não menos importante, o fator tempo é otimizado quando você opta por abrir uma franquia odontológica. O jargão “tempo é dinheiro”, sempre atual, aplica-se perfeitamente na hora de dar início a uma nova etapa profissional. Portanto, o caminho mais seguro é sempre o mais indicado.

Se você se interessou no modelo de negócios que apresentamos hoje, para dar continuidade na carreira com mais independência, leia o conteúdo especial da Sorridents que explica tudo sobre o mercado brasileiro de franquias odontológicas. Temos certeza de que você vai encontrar a solução que precisa!

Postado em 21/07/2017.


Compartilhe

Siga-nos no facebook

Siga-nos no Linkedin

Siga-nos no Linkedin