Aparelho Ortodôntico Móvel

Aparelho Móvel

 

Após muitos meses ou longos anos utilizando o aparelho fixo, é reconfortante chegar ao fim o tratamento para alinhar e solucionar problemas dentários. Contudo, é necessário passar mais algum período usando um novo acessório, para que o resultado do tratamento permaneça. Ao fazer uso do aparelho móvel, depois do tratamento ortodôntico, você garantirá um sorriso perfeito e duradouro. Lembrando que após o término do tratamento com o aparelho fixo, nem sempre o aparelho para contenção é móvel, há algumas contenções fixas. O aparelho móvel é muito utilizado também em crianças, onde trabalha a parte óssea, expandindo o palato, por exemplo.

 

Contenção ortodôntica móvel

 

Também conhecida como aparelho móvel de contenção, o acessório tem indicação após a conclusão e retirada do aparelho fixo. Assim como na utilização de aparelho fixo estético e  também no metálico tradicional ou autoligado.

 

São diversas metodologias e terapias para tratamentos dentários com aparelhos fixos que são complementados com o aparelho de contenção, a fim de fazer o manejo dos resultados obtidos posteriormente ao tratamento.

 

Vários estudos fazem a indicação de um tratamento estável, a partir de inúmeros fatores a serem mantidos. A estabilidade dentária, em algumas situações, é bastante frágil, e por isso é recomendada a utilização da contenção.

 

Ao passo que seja maior o risco de se perder a estabilidade do tratamento, muito maior é o cuidado em relação ao aparelho.

 

Tempo de Utilização do Aparelho Móvel

 

Cada situação revela uma recomendação determinada do tempo de utilização, a ser indicado pelo dentista. De modo geral, os especialistas solicitam aos pacientes que façam a utilização de contenções iniciais, com prazo de 24h ao dia. Posteriormente a observação de estabilidade no procedimento em questão, sugere uma redução da utilidade para somente a noite, até que, por fim, possam concluir o uso do aparelho.

 

A utilização contínua por 24h é critério a ser mantido, geralmente, por 180 dias e o uso no período da noite por mais 180. Por isso, doze meses seriam o prazo convencional e adequado para utilizar a contenção.

o que é o aparelho móvel img sorriso

Prejuízos da utilização incorreta do Aparelho Móvel

 

A não utilização correta deste acessório pode facilitar o movimento indesejado e a perda do controle funcional de mastigação e do fator estético do sorriso. O intuito de utilizar a contenção é para a manutenção de resultados obtidos, por meio do tratamento com aparelhos ortodônticos. Se o paciente não faz o uso correto do aparelho móvel, é possível que surjam condições como o desalinhamento transitório dos giros e dentes, estes que podem ter um espaço de abertura; possíveis condições de periodontite; estética perdida e retração das gengivas.

 

Diversos pacientes que não fazem o uso adequado das contenções necessitam de novos tratamentos ortodônticos, para que se faça a correção dos dentes que tiveram movimentação incorreta.

 

Cuidados específicos para a manutenção do Aparelho Móvel

 

Em virtude de o aparelho ser móvel, o paciente está apto a retirá-lo para fazer as refeições, mantendo o acessório sempre limpo e alinhado por tempos prolongados. Ainda assim, ele precisa de higienização sempre que for retirado da região bucal. A limpeza necessita de cuidado e delicadeza.: A melhor forma para higienizar o aparelho, é utilizando água e sabão neutro, e aí sim, escovar com creme dental.

 

É possível que o paciente faça o uso de mesmos elementos que usa para a limpeza bucal da rotina.

 

A recomendação é evitar bochechos para limpar o aparelho. A limpeza precisa ser manual, com as cerdas das escovas e auxílio da pasta dental, promovendo uma higienização eficaz.

 

Para poder manter o aparelho intacto, é necessário guardá-lo numa caixa determinada que, de modo geral, é fornecida pelo ortodontista. De fato, isso o conserva, evitando possíveis bactérias.

 

Compreenda mais sobre cada categoria do aparelho

 

De modo mais comum, é possível notar nos sorrisos joviais, a utilização do aparelho fixo que se destaca com maior eficácia para alinhar os dentes. Bem como outros tratamentos, o acessório precisa de muitos cuidados, como já mencionado. Contudo, depois de retirar o acessório, o aparelho móvel e contenção são aparatos de necessidade para a contribuição de um sorriso correto.

 

Ainda que sejam acessórios removíveis para situações de tratamentos de ortodontia, há a apresentação de importantes diferenciais. O aparelho móvel tem serventia para a movimentação dental, sendo um dispositivo utilizado ao longo de tratamentos ortodônticos.

 

A contenção ortodôntica é de uso posterior ao fim de tratamentos e tem o intuito de manter os dentes nos lugares e posicionamentos corretos. O dentista pode fazer uso dessas ferramentas para ajustar o sorriso, promovendo o englobamento de utilização de ambos acessórios e cada um em cumprimento de seu intuito.

 

Aparelho Móvel e Contenção: diferenças

 

O paciente é integralmente responsável pela utilização do aparelho móvel ou o uso da contenção. Devido ao fato de conseguir fazer a manipulação fácil, é comumente confundido por muitos.

 

Os dois aparelhos são compostos por resina e podem ter colorações, além dos fios em metal. De fato, já mencionado, a utilização do acessório removível provoca movimentos e alinhamentos necessários aos dentes.

 

A contenção, por outro lado, não está apta a realizar isso. Neste caso, ela apenas serve para que se evite a movimentação dentária.

quanto tipos de aparelho móvel existem img aparelho

Informações e resoluções sobre o Aparelho Móvel

 

Uma dúvida muito comum entre, principalmente, os pais de crianças é saber em que momento os filhos devem fazer uso do aparelho móvel.

 

Para obter essa resposta, é imprescindível que se consulte o dentista. Porém, há situações que precisam ser analisadas, bem como alguns sintomas que fazem a indicação de problemas. São eles:

 

  • a arcada central superior e a arcada central inferior em desalinhamento;
  • o afastamento dos dentes de leite, uns entre os outros;
  • dentes específicos crescendo um sobre o outro;
  • tempo excessivo em que a criança permanece com a boca aberta;
  • a alimentação incorreta da criança;
  • a criança que tem o hábito de chupar o dedo e chupeta

 

Diante desses sintomas, o que mais se indica é buscar o auxílio de ortodontistas com especialização, que farão a análise do cenário e definirão a melhor recomendação da utilização dos aparelhos que podem ser fixos ou removíveis.

 

Outro questionamento corriqueiro é sobre a duração do tratamento com o aparelho móvel.

 

Neste caso, o tempo tem variação conforme a recomendação do acessório. Se a funcionalidade do aparelho for como contenção, é possível que leve entre seis e doze meses, com recomendação da utilização contínua por algum tempo e posteriormente apenas o uso à noite. Geralmente o prazo estipulado para casos mais comuns, corresponde a um ano.

 

Já em situação de acessórios para crianças, a duração pode depender do tratamento. De modo geral, há a divisão em três etapas, com início da utilização do aparelho funcional por 180 dias, até que ela troque toda a arcada dentária de leite, e por conseguinte uma etapa com o uso de aparelho fixo para que se alinhe os dentes efetivos. Depois de tal procedimento, é solicitado o uso da contenção.

 

É importante ressaltar que tudo depende da avaliação de cada cenário, sendo que determinadas crianças não fazem a utilização do acessório fixo, após tratar a condição com aparelho funcional.

 

Uma dúvida comumente apresentada nos consultórios é a respeito da recomendação do aparelho funcional e se tal acessório é utilizado somente por crianças.

 

De modo geral, a indicação é feita para crianças – entre os seis até os doze anos de idade – visto que nesta etapa, há o desencadeamento de diversos problemas. Contudo, determinadas vezes, a sua utilidade também pode ter recomendação para pessoas adultas.

 

Porém, é relevante dizer que tal categoria de tratamento pode ser mais tardia e, portanto, não tem muita utilidade para adultos, visto que para estes, o aparelho fixo traz a capacidade de resultados mais céleres.

 

Dicas fundamentais para utilizar o Aparelho Móvel

 

Todos os aparelhos móveis se destacam pela sua flexibilidade em ter a remoção a qualquer instante. Quando ele é retirado para que se possa se alimentar, diversas pessoas creem de forma equivocada, que tal elemento não requer cuidados específicos.

 

É importante ressaltar que a limpeza correta é imprescindível e, precisa ser realizada sempre que tal elemento sair da boca.

 

Higienizações devem ser delicadas, como já mencionado anteriormente, assim como manter o cuidado em guardar o acessório na caixinha suporte.

 

Há ainda a possibilidade do uso de aparelhos dentários diferenciados, com recomendação específica do dentista em relação ao caso do paciente:

 

  • aparelhagem funcional da mandíbula ou maxilar: recomendados para a restauração da funcionalidade e estética bucal, agindo frente ao desenvolvimento do osso e em disfunção presente;
  • placas de movimentos ortodônticos: que observam a promoção de movimentos dos dentes,bem como os acessórios fixos.

 

Não deixe de usar o Aparelho Móvel por tempos prolongados

 

Há muita gente que, ao fazer a remoção do aparelho – que é móvel – para se alimentar, escovar os dentes, ou quaisquer razões necessárias, acaba esquecendo de devolvê-lo à boca. Ou ainda, justamente pelo seu caráter móvel, muitos acabam retirando-o da boca diversas vezes ao dia, o que também não é indicado.

 

É importante lembrar que o aparelho móvel tem ação mais lenta do que os aparelhos fixos convencionais e, por essa razão, o seu uso deve ser correto, evitando tirá-lo da região bucal ao máximo possível. Quanto mais tempo na boca, mais eficaz será o resultado, além de reduzir o tempo com o aparelho.

 

Se as informações foram úteis, confira outros detalhes disponíveis pelo site. Não esqueça de visitar o seu dentista de seis em seis meses, para limpezas e manutenção da saúde dental.

Agende a sua avaliação
Ou agende pelo telefone 0800 601 1520

Agende a sua avaliação de forma rápida e fácil

Assine nossa newsletter

e receba conteúdos exclusivos.

Blog Saúde Bucal